terça-feira, 3 de outubro de 2017

Em Sarandi menino de 3 anos foi raptado e estuprado; acusado foi encontrado junto com a criança e espancado por populares



O caso foi registrado na tarde desta segunda-feira (2) no Jardim Independência, em Sarandi, região metropolitana de Maringá.

A criança, identificada por “Pedro”, de apenas 3 anos de idade, brincava, na rua, em frente sua residência, quando um homem moreno se aproximou e pegou o menino por uma das mãos e saiu rápido do local levando a criança. Vizinhos viram a ação do marginal, raptando a criança e avisaram a mãe do garotinho, que já havia chamado por ele, após notar a falta.

Desesperados, vizinhos e familiares passaram a procurar a criança por todo o bairro e ao entrar em contato com um comerciante local, o empresário avisou que o suspeito entrou no bar com a criança e comprou um doce para o menino.

A família do menino, quando do desaparecimento, divulgou uma foto nas redes sociais e rapidamente se espalhou a notícia, condição que fez com que populares localizassem o acusado e a criança pouco antes da chegada da PM. Eles já estavam no Conjunto Requião, na divisa de Sarandi com Maringá. A criança foi salva pelos populares, que seguraram e espancaram Robson Castro do Nascimento, de 31 anos. A situação só não piorou para o acusado porque uma viatura da PM chegou rapidamente ao local e efetuou a prisão, levando ele para a Delegacia de Polícia Civil de Maringá. O acusado, que estava bastante ferido, foi socorrido por uma equipe do Samu, levado da Delegacia para o pronto socorro e depois transferido para um Hospital de Maringá, não informado pela Polícia, para evitar que populares invadissem o local. Ele está sob escolta policial.

A criança foi levada para o Hospital Universitário de Maringá e exames mostraram que ele foi abusado sexualmente e vai precisar ficar internada, recebendo medicação e deverá passar por acompanhamento psicológico.

O sequestrador e estuprador já tem várias passagens pela polícia, como furtos e outros abusos sexuais.