quinta-feira, 13 de abril de 2017

Roubo a propriedade rural em Engenheiro Beltrão - Cerco da polícia resulta na prisão de dois acusados do crime



De acordo com as informações da Polícia Militar, dois indivíduos acabaram presos em um grande cerco realizado pela polícia, no município de Engenheiro Beltrão. Criminosos teriam invadido o local conhecido por "Sítio Escolinha", Km 4, próximo à PR-082. O crime teria acontecido durante a noite desta quarta-feira (12).

A PM de Engenheiro Beltrão foi avisada que estava acontecendo o crime e foi para a localidade. Os acusados ao perceberem a aproximação da Polícia Militar, se evadiram para o meio de uma plantação de milho. Apesar de várias buscas, naquele momento eles não foram encontrados.

Os militares adentraram na residência da família do caseiro, que são pessoas idosas, os quais foram rendidos e trancados em um dos quartos da residência. Segundo informou o caseiro, dois criminosos entraram na casa e outros teriam ficado nas redondezas. Eles teriam dito que queriam pegar o proprietário, que logo em seguida, ao chegar no local, foi também rendido pelos criminosos e levado, amarrado, até um barracão da propriedade, onde os policiais militares o encontraram.

Os bandidos conseguiram roubar apenas dois celulares, mas de acordo com as informações das vítimas, eles levariam tratores e um caminhão, que eles deixaram para trás durante a fuga, ainda com o motor ligado.

No fundos da residência os militares encontraram um veículo Fiat/Strada de cor prata. O veículo não tinha alerta de furto ou roubo, mas a polícia acredita que pode se tratar de veículo adulterado, usado para praticar o crime.

Ainda segundo informações da PM, após a fuga, os acusados teriam conseguido chegar na cidade de Engenheiro Beltrão, onde teriam recebido apoio de um morador da Vila Andorinha, que forneceu roupas limpas para os acusados. Após várias buscas, a PM conseguiu deter os dois suspeitos de participação no crime. Eles estavam na região da Rodoviária da cidade, sendo identificados como dois jovens, um de 21 anos e outro de 24 anos. Por foto, as vítimas reconheceram os dois criminosos. Eles foram presos e levados para a Delegacia de Polícia Civil de Engenheiro Beltrão, onde foram autuados em flagrante.

Várias equipes da PM, com militares de Engenheiro Beltrão, Quinta do Sol, Fênix, Peabiru, Patrulha Rural e outras equipes de Campo Mourão, além do Choque Canil de Maringá, deram apoio na situação que resultou, na manhã desta quinta-feira (13), na prisão dos dois indivíduos acusados do crime.